Ensino Superior: EaD já é opção dominante entre novos alunos

Side view smiling woman in headphones writing taking notes, studying online, sitting at desk with laptop, motivated young female student watching webinar, involved in conference, distance education

Conforme levantamento da Educa Insights, o número de matrículas para educação a distância (EaD) vem aumentando vigorosamente no Ensino Superior. Aliás, mesmo antes da pandemia, a busca dos estudantes por vagas de graduação nessa modalidade já era crescente. Não apenas em função da economia gerada por mensalidades mais acessíveis e ausência de gastos extras com transporte e alimentação. Mas, sobretudo, pela democratização do ensino e pela flexibilidade que a EaD proporciona a todos que queiram acompanhar as aulas.

Além disso, vale salientar que esse avanço só vem sendo possível graças aos investimentos tecnológicos realizados por faculdades e universidades. Tanto em termos de estrutura e equipamentos quanto de adaptação de currículos e capacitação das equipes docentes. Isso porque, mais do que assegurar boa conexão à internet, foi preciso realizar melhorias em hardware e software. Afinal, para garantir a qualidade na educação, é fundamental tornar o ensino remoto tão efetivo quanto o presencial.

Os números da EaD

Ainda em relação ao levantamento da Educa Insights em parceira com a ABMES, é válido ressaltar alguns números. Por exemplo: em 2020, conforme o estudo, mais calouros se matricularam em cursos a distância do que nos presenciais. Ao todo, foram mais de 3,7 milhões de novas matrículas em instituições públicas e privadas – sendo 1,7 milhão (46,6%) em cursos presenciais e mais de 2 milhões (53,4%) na modalidade EaD.

Já entre as áreas que registraram maior interesse dos alunos na EaD, a saúde avançou 78% em relação a 2019. Nesse contexto, os cursos mais procurados no ensino a distância em 2020 foram Farmácia, Biomedicina, Nutrição e Enfermagem.

Como a Apple ajuda a transformar a EaD

Sem dúvida, os o ecossistema Apple é o melhor aliado da educação a distância. Afinal, a marca prioriza questões como produtividade, desempenho, segurança e privacidade – e ainda facilita a configuração e o gerenciamento remoto. Além disso, adotar os dispositivos da Apple em sua instituição de ensino pode cortar gastos sem perder qualidade. Isso porque os equipamentos trazem diversos recursos nativos – sem falar de outras oportunidades exclusivas. Por exemplo, o Pacote Pro Apps para educação, com produtos líderes no mercado a preços especiais. Desse modo, é possível levar a produção de videoaulas, projetos e apresentações a outro nível com facilidade.

Então, se sua instituição ainda não trabalha com o ecossistema Apple, entre em contato com nosso canal educacional! Nós ajudamos a fazer o melhor uso da tecnologia, com suporte profissional, tanto no ensino presencial quanto na modalidade remota. Além disso, oferecemos excelentes condições de aquisição. Consulte-nos e sinta a diferença!

 

Foto: iStock/fizkes

Compartilhe este post

Share on facebook
Share on linkedin
Share on email

Veja também: