Produtividade: como melhorar seu gerenciamento de tempo

It's 10:10 o'clock. Portrait of charming pretty positive cheerful woman closing covering head face with round clock isolated on grey background

O que te vem à mente quando você pensa em tempo? Talvez você pense se vai chover ou fazer sol – a condição climática é um dos significados dessa palavra, afinal. Quem sabe se recorde de alguma lembrança boa – o tempo decorrido, sua trajetória pessoal ou profissional… Mas hoje a vida anda tão corrida que provavelmente você pensará na escassez de tempo para dar conta de tudo. Inclusive, isso pode ter muitos impactos negativos, levando até a tomadas de decisões equivocadas. Por isso, saber encontrar espaço na agenda para todas as tarefas é uma habilidade muito valorizada. Aliás, pode até soar simples na teoria: para “ganhar” tempo, basta otimizá-lo. Para tanto, você pode começar melhorando a sua organização – talvez o grande segredo dos mestres em gerenciamento de tempo.

Gerenciamento de tempo

O gerenciamento do tempo consiste na incorporação de técnicas e ferramentas para garantir cumprimento de tarefas, dentro de prazos pré-determinados. Ou seja, significa administrar o tempo de modo a otimizá-lo, mantendo a produtividade e os bons resultados. Mas, de forma organizada, sabendo fazer escolhas e privilegiando o bem-estar.

Planeje-se

Antes de mais nada, estabeleça um planejamento. Afinal, organizar as tarefas é o primeiro passo para melhorar a gestão de tempo. Por isso, é crucial reunir todas as tarefas a serem cumpridas num só lugar. Inclusive suas tarefas pessoais – como ir à academia ou passear com o cachorro. Assim, é possível ter um panorama geral de tudo que está pendente. Já apresentamos aqui no blog aplicativos de planejamento que tornam essa missão muito mais fácil, oferecendo muitos recursos otimizados.

Defina metas e prazos

Definir metas é fundamental para manter a motivação, porque elas melhoram o foco e promovem a sensação de dever cumprido. Mas, cuidado: essas metas precisam ser inteligentes. Afinal, de nada adianta “mirar na lua e acertar uma árvore”. Portanto, trace metas relevantes e dentro da sua realidade. Se achar que está ficando fácil, aumente o desafio, mas não esqueça que a meta original já foi batida!

Assim como as metas, os prazos também precisam ser estabelecidos com inteligência. Um erro comum é subestimar o tempo de realização das tarefas. Portanto, sempre deixe alguns minutos como margem de erro. Principalmente em tarefas que envolvam criatividade, o tempo para realizar essas atividades pode variar bastante, mesmo já sendo algo habitual.

Saiba fazer escolhas

Faça uma classificação de todas as suas tarefas, por ordem de importância e nível de urgência. Em seguida, faça uma análise e reflita sobre essas tarefas. Quais delas você mesmo precisa fazer, quais pode delegar e de quais pode abrir mão? Saber priorizar é necessário para não sofrer com a exaustão e a frustração. Aliás, é crucial também para manter o padrão de qualidade e a produtividade. Isso porque qualidade deve sempre vir antes de quantidade.

Em resumo, ter uma boa gestão de tempo é saber valorizar o seu tempo. E quando ela é bem executada, os níveis de estresse tendem a diminuir, enquanto os de produtividade e felicidade aumentam.

Além de organizar metas e tarefas, uma medida eficaz para melhorar o gerenciamento do tempo é investir em tecnologias adequadas. Então entre em contato com a iPlace Corporativo e fale com um de nossos especialistas!

 

Foto: iStock/Deagreez

Compartilhe este post

Share on facebook
Share on linkedin
Share on email

Veja também: