Apple: gestão simplificada e menos chamados ao suporte

ecossistema apple gestão simplificada

Como todo gestor sabe muito bem, despesas com hardware e software representam apenas uma fatia das despesas de TI. Afinal, a implementação e a manutenção do ambiente podem acarretar importantes custos recorrentes – e consumir muitas horas de trabalho.

Porém, quando se trata do ecossistema Apple, a economia e a facilidade de gerenciamento saltam aos olhos. Primeiramente, porque os dispositivos já chegam ao usuário prontos para usar. Depois, porque um ambiente Apple gera, comprovadamente, muito menos chamados ao suporte técnico, assegurando maior produtividade para a companhia.

Uma das grandes exclusividades oferecidas pela marca é o Programa de Registro de Dispositivos (DEP, na sigla em inglês). Com ele, é possível cadastrar o dispositivo MacOS ou iOS como propriedade da empresa desde o momento inicial da aquisição. Na primeira vez em que o produto for ligado, ele verificará seu número de série na base da fabricante. E ficará, consequentemente, registrado como um ativo da companhia.

Desse modo, um gerenciador pode ser utilizado para carregar aplicativos e configurações de maneira automatizada, poupando tempo e dinheiro. Afinal, a equipe de TI ganha tempo para dedicar a outras tarefas, gerando ainda mais valor para a empresa.

Por que o ambiente Apple exige menos suporte técnico

Não bastasse a incomparável praticidade na implementação, o ecossistema Apple é sinônimo de segurança e de simplicidade no gerenciamento. Para administrar os dispositivos móveis, por exemplo, pode-se contar com toda a praticidade de um MDM (Mobile Device Management).

Com uma solução desse tipo adquirida do fornecedor eleito pela empresa, gerenciar os aparelhos é muito mais fácil. Afinal, o MDM permite que o TI crie perfis e aplique-os remotamente aos dispositivos via Apple Push Notification service (APNs). Assim, de maneira ágil, simples e econômica, a empresa define de que forma cada aparelho deve se comportar.

Máximo desempenho e economia de tempo

Segundo um estudo da Techaisle, as empresas perdem 42 horas de trabalho por ano em função de problemas com PCs. Já num ecossistema Apple, as organizações obtêm máximo desempenho, potencializado pela perfeita integração entre computadores e demais dispositivos da marca. Assim, os usuários podem se concentrar no que é realmente importante para o negócio, evitando paradas desnecessárias.

Uma das gigantes mundiais de tecnologia que vêm adotando amplamente os computadores Apple é a IBM. E uma das vantagens percebidas pela companhia foi, exatamente, a redução nas paradas e nos custos com suporte técnico.

Recentemente, a IBM reportou que usuários de PC abrem o dobro de chamados de suporte em relação aos de Mac. Além disso, apenas 5% dos chamados abertos por usuários de Mac exigiram visita técnica para que fossem solucionados. Enquanto isso, quase 30% dos chamados feitos por usuários de PC demandaram a presença física do time de TI. A IBM também informou que precisa de muito menos técnicos para gerenciar os dispositivos Apple, comparativamente ao gerenciamento dos PCs.

Quer entender mais a fundo como o ecossistema Apple reduz custos para sua empresa? Então clique aqui e baixe o e-book exclusivo que a iPlace Corporativo preparou sobre o assunto!

e-book segurança da informação

Foto: iStock/annoying.orange

Compartilhe este post

Share on facebook
Share on linkedin
Share on email

Veja também: